Bateu a cabeça há algumas semanas e desde então apresenta dor de cabeça? Cuidado, pode ser um hematoma intracraniano!

 

O hematoma subdural crônico é uma coleção de sangue intracraniana que se apresenta algumas semanas após uma pancada na cabeça. Diferente do hematoma agudo, que logo nas primeiras horas após um acidente apresenta seus sintomas, o crônico tem progressão lenta, arrastada, advinda de um trauma leve, sem gerar grande preocupação num primeiro momento.

Ele ocorre mais frequentemente em idosos, pacientes com atrofia cortical severa (causada, por exemplo, pelo alcoolismo crônico) e aqueles que fazem uso de medicação que diminuem a coagulação sanguínea (anticoagulantes). Pode também ocorrer em portadores de cisto aracnóide (coleção de líquido cerebral intracraniano que nasce com a pessoa e geralmente não traz sintomas). O que chama a atenção é que a ocorrência em pessoas sem estes fatores de risco tem aumentado e por isto a importância da informação.

Uma pancada leve ocasiona um sangramento discreto, podendo ser, até mesmo, espontâneo. O sangue próximo à membrana que recobre o cérebro gera um processo inflamatório, que por sua vez desencadeia ressangramentos contínuos, formando cápsula que por fim, empurra as estruturas adjacentes. Dependendo do local da compressão acontecem os sintomas. Eles podem variar desde dor de cabeça até mesmo alteração do estado de consciência, convulsão ou sintomas semelhantes a um acidente vascular cerebral – perda de força e fala.

O diagnóstico é feito através de exames de imagem que devem ser analisados pelo neurocirurgião. Conforme o volume do hematoma, o tratamento é conservador (ou seja, acompanhar uma regressão espontânea) ou pode ser necessário um tratamento cirúrgico para interromper o processo e drenar o coágulo.

A prevenção do hematoma subdural crônico passa pelos cuidados nos pacientes de risco, ou seja, medidas de proteção contra quedas em idosos, controle seriado dos pacientes que fazem uso de anticoagulantes e a proteção dos portadores de cisto aracnoide, principalmente quanto a esportes de contato. Nos pacientes sem fatores de risco uma medida importante é a avaliação especializada de uma dor de cabeça que surge abruptamente e piora com o passar dos dias. O tratamento precoce minimiza possíveis sequelas.

 

Leave a Reply

O seu email não será publicado Campos com * são obrigatórios

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

clear formSubmit